mamao-com-cachaca-do-bobinot-bistro

Isadora Fornari  nos apresenta a receita do chef Pedro Wolff. A receita leva mamão papaia com cachaça, uma sobremesa rápida e que harmoniza com cachaças envelhecidas em carvalho americano.

O conceito de bistrôs sempre me agradaram muito. Eles são mais informais que restaurantes, os chefs administram, atendem, cozinham por isso são mais acessíveis e próximos dos clientes. A casa utiliza ingredientes do momento, o que justifica a variação do cardápio. A única constante é o sabor caseiro e aconchego.

Algumas histórias contam que os militares russos, ao invadir a capital francesa, clamavam “bistrô! bistrô!” ao atacarem os cafés parisienses; isto se deve à presença do termo ‘bystro’, que tem o sentido de ‘rápido, rápido’, no vocabulário da Rússia.

Outras lendas dão conta de que os franceses residentes na região norte idealizaram este termo. O mais provável, porém, é que esta palavra definia os donos de pequenos estabelecimentos comerciais de vinho; depois, ela se estendeu à própria loja. Seja como for, é um recanto que promove, antes de tudo, a interação entre os frequentadores, mais até que o bom atendimento.

Durante a Segunda Guerra Mundial os bistrôs se desenvolveram, pois enquanto os maridos iam para o front, as esposas normalmente tinham que conquistar uma forma de obter uma renda para sobreviver. Assim, elas transformavam suas residências em estabelecimentos públicos especializados no comércio de comida caseira.

Encontrei um exemplar bem brasileiro aqui no Rio de Janeiro. O Bobinot Bistrô, na Tijuca, trabalha somente com produtos nacionais e explora muito a história dos ingredientes em suas receitas.

bobinot-bistro-2
chef Pedro Wolff autor da receita de cachaça com mamão

O Pedro Wolff, dono e chef desse cantinho oferece cervejas, cachaças e porções de queijos e embutidos artesanais do Brasil e hoje ele divide com a gente uma receita fácil, refrescante e light!

Eu coloquei coco ralado para colocar um crocante na sobremesa, mas você pode fazer sem e colocar uma calda de açaí ou jabuticaba que fica delicioso!

mamao-com-cachaca-do-bobinot-bistro

Doce de mamão papaia

Pedro Wolff
Isadora Fornari  nos apresenta a receita do chef Pedro Wolff. A receita leva mamão papaia com cachaça, uma sobremesa rápida e que harmoniza com cachaças envelhecidas em carvalho americano.
Servings 6 porções

Ingredients
  

  • 1 kg de mamão papaia cortado em cubos
  • 120 g de açúcar (ou o equivalente em adoçante)
  • 2 colheres de coco ralado
  • 60 ml de cachaça branca – prefira cachaças mais frescas, com aroma de cana de açúcar bem presente, notas florais e acidez media.

Instructions
 

  • Leve os cubos da fruta na congelador por aproximadamente 2 horas
  • Bata o mamão, açúcar e cachaça no processador
  • Misture a pasta com o coco
  • Retorne ao congelador por mais 2 horas ou até que se torne uma pasta com consistência cremosa como a de um sorvete. Caso congele, deixe alguns minutos fora do freezer para adquirir a textura adequada.

DICA

  • O gosto de fruta madura e coco são seguidos da leve acidez e retrogosto da cachaça. Para essa sobremesa sugiro uma cachaça envelhecida em carvalho americano por mais de 1 ano para destacar o sabor do coco. Os sentidos serão adoçado através do aroma de baunilha e especiarias bem como a experiência aconchegante de um bistrô.

Participe do nosso grupo no WhatsApp e receba em primeira mão nossas novidades, eventos e promoções

Mapa da Cachaça

Mapa da Cachaça

O Mapa da Cachaça é uma premiada plataforma multimídia com o objetivo de compartilhar informações sobre a cultura, história, aromas e sabores do destilado brasileiro.

Quer receber no seu e-mail 5 aulas gratuitas sobre cachaça? Assine nossa newsletter exclusiva e durante 5 dias te enviaremos o melhor conteúdo sobre o destilado brasileiro!

Compartilhe esse artigo

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Barril de amburana

Barril de amburana para envelhecer cachaça

Barril de diversos tamanhos da madeira amburana (Amburana cearenses) para envelhecer cachaça e outras bebidas como rum, cerveja e coquetéis.

Comprar
dorna de amburana

Dorna de amburana para envelhecer cachaça

Já pensou em ter sua própria dorna para envelhecer cachaça? Nós fizemos uma seleção dos melhores barris e dornas de amburana para você começar seus experimentos em casa com bebidas  fermentadas e destiladas.

Comprar
Dorna de Bálsamo

Dorna de bálsamo para envelhecer cachaça

Quer envelhecer sua própria cachaça, cerveja ou coquetel? Temos a dorna de bálsamo que você precisa para começar seus experimentos.

Comprar
mood_bad
  • Ainda não há comentários.
  • Adicionar um comentário