História da Cachaça

Cachaça Tiê Ouro é produzida por Arnaldo Ramoska, Antonio Carlos Castellani e Cris Amin em Aiuruoca, cidade localizada no sul de Minas Gerais, em uma bonita região de importância ambiental e histórica. A destilaria está localizada na fazenda Guapiara numa propriedade de 1.000 hectares, sendo 20 dedicados à cachaça.

Para a receita de produção, a inspiração foi uma famosa cachaça da região: a cachaça do Otacílio. Seguindo as tradições do sul de Minas Gerais, a cachaça é fermentada por leveduras selvagens, seguindo a Escola do Fermento Caipira. A destilação é feita em alambique de cobre aquecido a lenha. Otacílio e Tobias tocam a produção, Arnaldo e Cris cuidam das áreas administrativa, técnica e marketing enquanto Antonio Carlos é o responsável pela produção da cana e manutenção do alambique.

Detalhes da Produção

Após a destilação, a Cachaça Tiê Ouro é envelhecida em barris de carvalho europeu de 200 litros por 1 ano e meio. Os barris eram utilizados na Europa para envelhecimento de uísque. Em Aiurupouca, os barris estão agora alojados numa caverna cavada num barranco revestido por tijolos que garante condições de umidade e temperatura para envelhecer essa autentica cachaça mineira.

Tipo de cachaça
Dados da cachaça
  • Nome da cachaça
    Tiê Ouro
  • Faixa de preço
    $$
  • Ativa no mercado
    Sim
  • Trademark
    TIE INDUSTRIA E COMERCIO LTDA
  • Orgânica
    Não
  • Cana própria
    Sim
  • Levedura
    Levedura selvagem
  • Destilação em
    Alambique de cobre
  • Estandardizada
    Não
Volume
Teor alcoólico
Video
Contato

    Localização

    XC57+GV Aiuruoca, Minas Gerais, Brasil

      mood_bad
    • Ainda não há comentários.
    • Adicionar uma avaliação
      Contato