Região Serrana do Rio é produtora da melhor Cachaça do Brasil em 2022

da quinta carvalho

Cachaça da Quinta Prata foi a eleita pelo Ranking Cúpula da Cachaça como a melhor do Brasil em 2022, ano em que as cachaças brancas e as mulheres foram destaque no concurso

A Cachaça da Quinta completa, no próximo ano, cem anos de produção passada por três gerações consecutivas na mesma família. A tradição na família Alves teve início em 1923, quando o imigrante portugues Francisco Lourenço Alves adquiriu uma propriedade no vale do Rio Paraíba, final da Região Serrana do Rio de Janeiro. No início do século, a neta, Kátia Alves Espírito Santo, assumiu o desafio de conduzir a produção mantendo a paixão ensinada pelo pai.

A Cachaça da Quinta Branca teve a maior pontuação no V Ranking da Cúpula da Cachaça, na edição 2022, alcançando o 1º lugar geral entre todas as cachaças (brancas, envelhecidas, premium e extra premium). Um fato inédito para uma cachaça branca, que alcançou a mais alta posição, depois de quatro edições dominadas por cachaças envelhecidas e armazenadas.

Para Kátia, mais do que um reconhecimento, o Ranking é uma oportunidade de comunicação e ampliação de vendas. “O Ranking da Cúpula da Cachaça é divulgado amplamente no pré e pós concurso, e, assim, alcança imensa repercussão”, disse.

A Cachaça da Quinta é produzida em região de clima ameno das montanhas, que garante condições especiais ao cultivo da cana de açúcar, com Certificado de Produto Orgânico, e fica armazenada por 6 meses em tonel inoxidável. Em 2009, já sob a gestão de Kátia, a Cachaça da Quinta ampliou a distribuição conquistando novos mercados. Três anos depois passou a ser exportada e, em 2013, a marca alcançou a primeira medalha de um destilado brasileiro no Grand Gold do Spirits Selection.

“Na última década, começamos a participar de concursos internacionais e nacionais, alcançando as mais elevadas premiações. Agora vamos comemorar os 100 anos da Cachaça da Quinta com o prêmio máximo desse importante concurso nacional: com a coroa do Ranking da Cúpula da Cachaça. É uma alegria para a marca e para mim, como produtora e apreciadora de cachaça”.

KATIA ESPÍRITO SANTO, PRODUTORA DA CACHAÇA DA QUINTA

Mulheres e as 4 melhores cachaças brancas

A Cachaça da Quinta, com sua produtora Kátia Alves, não esteve sozinha nesse podium. As mulheres produtoras de cachaça se destacaram na quinta edição do Ranking da Cúpula da Cachaça com outras marcas alcançando altas posições na lista. Só deu elas entre as quatro melhores da categoria cachaças Brancas.

Nada combinado, afinal, os organizadores do prêmio garantem uma rigorosa seleção e critérios bem definidos no julgamento das cachaças inscritas. A notícia foi muito bem recebida pelo mercado e, claro, pelas apreciadoras do destilado.

O sucesso de uma é o sucesso de todas!

Entre as representantes: Pindorama, Tiê Prata (ganhadora da medalha de ouro em 2020) e Bem Me Quer Prata vieram seguindo a lista.

O resultado indica que os pequenos colmos de mudança plantados ao longo dos séculos estão verdejando, permitindo às mulheres colherem o que parecia impossível até pouco tempo: o reconhecimento ao invés do julgamento restritivo.

O número de juradas também foi representativo: um terço do total, embora ainda com espaço para crescer. A Cachaça Anísio Santiago/Havana foi primeiro lugar na categoria Armazenadas e Envelhecidas e a Cachaça Pardin Porto, representou na Premium e Extra Premium.

Evolução do ranking

Criado em maio de 2013, numa mesa de bar, o Ranking Cúpula da Cachaça tem se consolidado no país como uma referência para o setor na divulgação e valorização da cachaça. A participação é gratuita para cachaças registradas no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, e, desde a edição de 2020, as 50 cachaças finalistas também podem usar um selo oficial da competição, que funciona como indicador de excelência e qualidade para os consumidores.

Dos mais experientes apreciadores aos novatos no universo da cachaça, é difícil não dar aquela olhada na lista antes de comprar a próxima cachaça. E os números do Ranking comprovam que a Cúpula da Cachaça tem alcançado seus objetivos de dar maior visibilidade ao destilado nacional, com um meio de divulgação e fomento à produção de qualidade. 

Das 955 cachaças registradas no país, 886 atraíram ao menos um voto do público. Elas estão distribuídas geograficamente em 17 estados brasileiros e representam 93% do total.

Confira o histórico do ranking em números:

AnoEstados participantesVoto popular
201474 mil
20161123 mil
20181343 mil
20201733 mil
202217129 mil

Participe do nosso grupo no WhatsApp e receba em primeira mão nossas novidades, eventos e promoções

Mapa da Cachaça

Mapa da Cachaça

O Mapa da Cachaça é uma premiada plataforma multimídia com o objetivo de compartilhar informações sobre a cultura, história, aromas e sabores do destilado brasileiro.

EVENTOS

Quem realizar eventos corporativos com degustação ou aulas para saber mais sobre cachaça. Entre em contato com nossos especialistas e te ajudaremos a realizar um evento memorável

TELEGRAM DA CACHAÇA

Entre para o Telegram do Mapa da Cachaça e receba ofertas exclusivas de destilados produzidos no Brasil, al´me de artigos, notícias e eventos do mercado de destilados.

PARCEIROS DO MAPA

O Mapa da Cachaça é a principal referência sobre cachaça. Seja um parceiro e nos ajude a construir nossa comunidade cachaceira e dê destaque aos seus produtos especiais.

Quer receber no seu e-mail 5 aulas gratuitas sobre cachaça? Assine nossa newsletter exclusiva e durante 5 dias te enviaremos o melhor conteúdo sobre o destilado brasileiro!

Compartilhe esse artigo

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
  • Ainda não há comentários.
  • Adicionar um comentário