Os Tipos de Cachaça - Mapa da Cachaça
Verallia

Os Tipos de Cachaça

18 de 08 de 2010

Aprenda com o Mapa da Cachaça sobre os diferentes tipos de cachaça: prata, ouro, premium, extra-premium e reserva especial.

A legislação brasileira define diferentes tipos de classificação de cachaça: prata, ouro, premium, extra-premium e reserva especial. Para um melhor entendimento, criamos um guia explicando cada tipo de cachaça e fazendo uma classificação dividida entre cachaça com cor e incolor.

Sem passar por madeira – Incolor:  

O produtor pode adicionar nos rótulos as expressões Clássica, Tradicional ou Prata para suas cachaças que não passaram por madeira e por isso são incolor.

Cachaça Serra das Almas Prata

Cachaça Serra das Almas Prata – não passa por madeira

As cachaças que não possuem cor podem ser:

Nova: cachaça incolor, que não matura em madeira ou dornas de aço inoxidável ou recipientes de vidro.

Pura: cachaça incolor, que não matura em madeira, mas pode ter estagiado em dornas de aço inoxidável ou recipientes de vidro.

Armazenada em madeira – Incolor:

A cachaça pode ou não passar por madeira. É importante destacar que a cachaça não pode ter nenhuma alteração de cor. Nesse caso, o produtor poderá adicionar a marca as expressões Clássica, Tradicional ou Prata.

Cachaça Werneck Prata

Cachaça Werneck Prata – é armazenada em tonel de jequitibá

A cachaça que não passa por madeira é, depois da destilação, descansada em aço inox e em seguida é padronizada e engarrafada. A bebida apresenta aroma e paladar mais próximos da cana. Agora, algumas cachaças são retidas em madeiras que não soltam coloração (Jequitibá, Freijó, Amendoim) – portanto, elas continuam sendo incolor.

Armazenada em madeira – Com Cor:

A cachaça fica armazenada por tempo indeterminado (2 meses, 5 meses, 1 ano, 3 anos) em tonéis de madeira sem distinção de tamanho. Esse processo resulta no chamado “amaciamento” da bebida, influenciado na sua cor e paladar de acordo com o tempo de repouso e a madeira usada.

Cachaça do Barão Ouro passa por barricas de carvalho

Cachaça do Barão Ouro passa por barricas de carvalho

A cachaça foi armazenada ou envelhecida em madeira e apresentou alteração substancial na sua coloração. Nesse caso o produtor poderá adicionar a marca a expressão Ouro.

Envelhecida em madeira – Com Cor:

No mínimo 50 % da cachaça fica durante pelo menos 1 ano em tonéis de no máximo 700 litros.

Cachaça Weber Haus Premium

Cachaça Weber Haus Premium

Por ser um tonel menor e por ficar retido por mais tempo, as cachaças envelhecidas acabam apresentando alterações mais evidentes na sua cor, aroma e paladar. As cachaças chamadas Premium são 100% envelhecidas de um a três anos.

Weber Haus Extra-Premium - Carvalho e Bálsamo

Weber Haus Extra-Premium – Carvalho e Bálsamo

E a Extra-Premium é 100% envelhecida no tempo mínimo de três anos.

Reserva Especial – Com cor ou incolor

Há ainda a classificação de Reserva Especial para cachaças que passaram ou não por processo de maturação em madeira.

Cachaça Leblon Signature Merlet

Cachaça Reserva Especial da Leblon, envelhecida em barris de carvalho francês.

A cachaça possui características sensoriais diferenciadas do padrão usual das outras elaboradas pelo produtor, desde que devidamente comprovado.

As madeiras para armazenamento e envelhecimento:

O legal na cachaça é a diversidade de tipos de madeira para envelhecimento e armazenamento. É o único destilado (que conhecemos) que pode ser armazenado em tonéis de diferentes madeiras. O whiskey, a tequila, o rum são todos armazenados em carvalho. Já a cachaça tem inúmeras madeiras para armazenamento e envelhecimento, entre elas: amburana, ipê, bálsamo, jequitibá-branco, jequitibá-rosa, ariribá, canela-sassafrás, tapinhoã, grápia, amendoim, freijó, etc… Cada madeira influencia da sua forma a cor, os aromas e sabores da bebida. Inclusive, alguns estudiosos estão analisando os benefícios dessas variedades de madeira para a saúde.

Anúncios

PUBLICADO POR:

youtube google-plus facebook twitter instagram user filter list
%d blogueiros gostam disto: