O Alambique Paradisíaco de Maria Izabel - Mapa da Cachaça
Verallia

O Alambique Paradisíaco de Maria Izabel

18 de 10 de 2012

“A primeira cana, inclusive eu falo com o maior orgulho, eu mesma que plantei e assim que começou – Maria Izabel”

Em um sítio à beira-mar no litoral do Rio de Janeiro, apenas alguns minutos do centro histórico de Paraty, a produtora [cachaca id=”6880″]Maria Izabel[/cachaca] destila a sua cachaça seguindo a filosofia de vida de uma pessoa simples, mas muito rica em vivências e estórias.

[cachaca id=”6876″]Maria Izabel[/cachaca] produz cachaça suficiente para manter sua subsistência e a qualidade própria de um produto artesanal. Mesmo com convites de exportar para outros países, a produção da [cachaca id=”6880″]Cachaça Maria Izabel[/cachaca] continua pequena, com apenas 7 mil litros anuais e, pela produtora, o desejo é que o alambique continue assim por muito tempo.

Seguindo uma tradição de família, Maria Izabel toca a produção praticamente sozinha, observando a destilação enquanto lê um bom livro e balança em uma rede ao lado do alambique. O carinho e dedicação empenhados na produção da cachaça é fácil de identificar pela qualidade da cachaça e na própria concepção da marca que traduz muito da essência transmitida pela produtora.

O rótulo da bebida foi um presente de Liz Calder, produtora da FLIP (Festa Literária Internacional de Paraty), que contratou o ilustrador  americano Jeff Fisher, autor de várias capas de livros, como os das série Harry Potter. Jeff esteve em Paraty muitas vezes a convite da amiga. Conheceu o lugar e a personagem, se inspirando neles para sua criação. Em um vídeo, Maria Izabel diz que o rótulo foi inspirado em um de seus sonhos.

 

Anúncios

PUBLICADO POR:

youtube google-plus facebook twitter instagram user filter list