Leblon é eleita entre as melhores do Brasil pelo IV Ranking da Cúpula da Cachaça - Mapa da Cachaça
Ethylica

Leblon é eleita entre as melhores do Brasil pelo IV Ranking da Cúpula da Cachaça

14 de 03 de 2020

A cachaça Leblon Signature Merlet, produzida em Patos de Minas, no sul de Minas Gerais, é reconhecida no IV Ranking da Cúpula da Cachaça.

Lançada nos Estados Unidos em setembro de 2005, a cachaça Leblon começou a ser comercializada no Brasil em 2007. A Leblon Signature Merlet é um blend assinado pelo master blender Gilles Merlet, francês reconhecido mundialmente pela qualidade de seus destilados e licores. Para o blend são usados barris novos de 250 litros de carvalho Limosin, durante 2 ou 3 anos.

Cachaça Leblon Signature Merlet

Para desconto de 5% use cupom MAPADACACHACA no site da Ethylica.com.br

Na quarta edição do Ranking da Cúpula da Cachaça, buscando aprimorar a avaliação e divulgação dos resultados, as cachaças foram divididas em três categorias de acordo com as regras do MAPA (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento) para a denominação da bebida:

A versão envelhecida da cachaça Leblon, conhecida como Reserva Especial ou Signature Merlet, levou 1º lugar na categoria armazenada/envelhecida no IV Ranking da Cúpula da Cachaça.

Degustação da Leblon Signature Merlet por Felipe Jannuzzi

A Signature Merlet leva a assinatura de Gilles Merlet e carrega os aromas e sabores típicos do carvalho francês. Pelas influências da madeira e seu master blender, podemos fazer muitos paralelos entre o destilado brasileiro com o Cognac francês.

As lágrimas são lentas e rosário rápido; cor âmbar-intenso; no nariz, amêndoa, mel, baunilha e leve floral; na boca, destaque para doce (mel e caramelo); sensação aveludada, refrescante e picante; acidez baixa; amadeirado forte; por influência dos blends lembra bons conhaques – é uma seguidora da Escola Crossing.

É uma cachaça excelente para tomar pura ou com pedras de gelo. Harmoniza com bolos de frutas ou especiarias. Uma curiosidade: nos EUA sua versão é menos alcoólica (40%) – preferimos o equilíbrio entre madeira e álcool da versão comercializada no Brasil (42%).

De Patos de Minas para o Mundo

Conheça mais sobre a produção da Leblon em Patos de Minas e sobre a concepção da cachaça por Carlos e Gilles Merlet.

“Se eu não conseguir fazer um produto que me agrade, eu não vou fazê-lo. É a primeira condição”.

Gilles Merlet, master blender da Leblon

PUBLICADO POR:

Comentários

Seleção de Cachaças

youtube google-plus facebook twitter instagram user filter list
%d blogueiros gostam disto: