México reconhece cachaça como produto do Brasil

Print Friendly, PDF & Email

O acordo assinado pelos presidentes dos dois países prevê promoção internacional da cachaça e da tequila e reconhecimento de origem das bebidas.

brasil e mexico

Depois dos Estados Unidos, agora é o México que reconhecerá a cachaça como produto tipicamente brasileiro. Pelo menos este foi o acordo assinado entre a presidente do Brasil, Dilma Rousseff, e o presidente mexicano Enrique Peña Nieto. Por sua vez, o Brasil passará a reconhecer tequila como produto exclusivamente mexicano, e ambos os países farão a promoção internacional das bebidas. Enquanto Nieto escolheu brindar com o produto de seu país, Dilma preferiu uma genuína caipirinha.

Denominação de Origem

O reconhecimento de origem da cachaça, nacional ou internacionalmente, enriquece ainda mais a discussão e colabora para a valorização do produto enquanto patrimônio do Brasil. A valorização eleva o produto a níveis mais elevados de conceito e credibilidade no mercado, como acontece, por exemplo, com o Champagne, produzido exclusivamente na França.

Tequila, por sua vez, é, na verdade, apenas um dos diversos tipos de mezcal – o aguardente de agave. Apesar da fama mundial e da produção em larga escala do tequila, a bebida continua a ser produzida apenas no país e a representar as suas regiões, tradições e particularidades.

[adsanity_group group_ids=5172 num_ads="2" num_columns="2"]
Mapa da Cachaça

Mapa da Cachaça

Somos uma referência cultural, histórica e sensorial sobre cachaça. Gosta de cachaça boa? Então siga o Mapa da Cachaça.

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *